POKE- Tendência Gastronômica para o Verão 2018/2019




Uma das melhores coisas da vida é comer. 

Sempre que aparece uma novidade que agrada aos olhos logo queremos experimentar.

Para o nosso Verão 2018/2019 , POKE!
Saudável, com ingredientes frescos e simplesmente delicioso.
Quem é adepto á culinária asiática, vai se perder de amores com essa tendência.
Feito com peixe fresco (frutos do mar), cortado, marinado, é servido na tigela.
Deve atrair as atenções no verão brasileiro. Poke, peixe cru cortado em cubos, temperado e servido numa tigela. Parente do sashimi e do ceviche, o poke nasceu no pós-praia havaiano como um prato rápido, leve, porém capaz de aplacar a fome dos surfistas.
O poke é onipresente no Estado havaiano, a ponto de ser encontrado pronto até nas gôndolas de supermercado.
Lá, aparece com peixes e frutos do mar variados, especialmente lula e polvo, os mais populares. 
Os molhos e temperos mudam conforme o gosto de quem prepara o prato, que pode ser marinado com limão, wasabi, molho tarê...
E avançou fora das praias: mesmo nos Estados Unidos, o poke começou a ganhar destaque há pouco. Começou a fazer fama na Costa Oeste e já desembarcou em Nova York.
As casas de poke estão se espalhando também pelo Brasil. Em São Paulo já existem três restaurantes especializados; e já se come poke em cidades brasileiras de Norte a Sul – de Fortaleza a Porto Alegre, passando por Florianópolis. 
A fórmula não poderia ser mais simples. Poke, no dialeto havaiano, quer dizer cortar, e o prato é basicamente peixe cortado em cubos, marinado, acompanhado de algas marinhas picadas, fatias de cebola, pepino e cebolinha. Com ou sem arroz, é permitido adicionar também fatias finas de abacate e ovas de peixe. Tiras de massa chinesa wonton também podem acompanhar o peixe, dando crocancia ao prato.

Ficou com vontade de experimentar a novidade?
Beijo da Gu

Comentários