DEZEMBRO VERMELHO - CAMPANHA PELA LUTA CONTRA A AIDS



Papo seríssimo sobre cuidado e saúde.
Além das campanhas Outubro Rosa, contra o câncer de mama, e Novembro Azul, contra o câncer de próstata, agora temos Dezembro Vermelho, contra a AIDS.

Em 1987, a ONU criou esta campanha e, em 1991, a fitinha vermelha surgiu com artistas de Nova York, para lembrar a luta contra a AIDS e transmitir compreensão, solidariedade e apoio aos portadores do vírus HIV. No Brasil, o projeto foi adotado em 1988, pelo Ministério da Saúde.
A Aids é uma doença infecciosa, transmitida pelo vírus HIV. Segundo dados da Secretaria de Estado da Saúde, do Ministério da Saúde e do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/AIDS (UNAIDS), a cada 15 minutos uma pessoa se infecta com o vírus no Brasil e sete pessoas morrem por dia em São Paulo.

Assim como acontece com o Outubro Rosa, sobre o câncer de mama, e Novembro Azul, sobre o câncer de próstata, o Dezembro Vermelho tem como objetivo chamar atenção para as medidas de prevenção, assistência e proteção e promoção dos direitos das pessoas infectadas com o HIV. Entre as ações programadas pelo Governo do Estado de São Paulo, estão rodas de conversa sobre o HIV com especialistas que irão orientar e esclarecer dúvidas da população sobre os métodos de prevenção e tratamento.
Este ano, por exemplo, mais de 4 mil unidades de saúde participam da campanha, que engloba testes gratuitos e ações extramuros em parceria com outras entidades, como ONGs locais. Ou seja, são muitas atividades que visam conscientizar a população. E você, já fez o teste? Deixe o preconceito de lado e converse abertamente sobre o assunto.


Compartilhe!

Beijo da Gu

Comentários