Ser Super Mãe(ou Pai) é saber dizer NÃO! Os Riscos da Superproteção.



Como mulher deixarei meu relato direcionado as mães, tias, avós...


Afinal só posso escrever sobre algo que conheço.

Desconfio de quem em nome do amor FAZ TUDO pelos filhos.
Sei que estamos com o emocional abalado, todos dentro de casa , contato com os filhos 24 h e tudo isso influencia na maneira que os preparamos para vida real.

PROTEÇÃO DEMAIS DESPROTEGE!
Crianças com pais superprotetores praticam menos exercícios, diz ...



AMAR é preparar o filho para vida.
AMAR é confiar na educação dada e saber que o filho fará as escolhas corretas e buscará por si o caminho de sua felicidade e realização.
AMAR é ter certeza que cada ser humano é único.Com vontades, opiniões e preferências que nem sempre são iguais á sua.
Além de exercer a maternidade, não deixe de lado a porção mulher, companheira. Não abandone a profissão, Viva a sua vida e deixe que o filho viva a dele e construa sua história.Não sufoque.


Resultado de imagem para superproteção ate fase adulta


Hoje uma de minha redes sociais me lembrou de um texto que publiquei em 2014 e é atualíssimo em qualquer ano, década.

Segue minha experiência.



"Tenho 3 filhos. Tharyna, Evelyne, Milton. (sim vou faze-los pagar mico)

Tatoo ( marido) e eu os criamos para serem independentes, fortes, íntegros e de bem com a vida.

Até concluírem o segundo grau, a educação secular era por nossa conta ($$), depois os cursos, faculdade etc, ficou sob a responsabilidade de cada um.Afinal se quer algo, lute para obter - claro que sempre estivemos apoiando e cuidando na jornada.

Nosso caçula, com 12 anos começou a trabalhar. Nossas meninas com 14/15 anos, já encaravam o batente.Isso não os tornou frustrados nem rebeldes.Os fortaleceu. Foram criados para conseguirem as coisas materiais com o trabalho. Temos o maior orgulho deles. Desde jovenzinhos se queriam uma roupa, compravam. Queriam ir a um passeio ou viagem, pagavam com seus salários.Sapatos??Ah, as meninas sempre precisam de uns 20 pares né? Compraram seus smartphones, Iphones, tablets, notebooks de acordo com seus gostos e orçamentos. Fizeram tatuagens (2 deles) pagam suas contas e sempre estão procurando algo melhor.São excelentes profissionais.Cada qual em sua área.


Resultado de imagem para superproteção ate fase adulta


E curtiram a adolescência viu? Quantas vezes queriam ir a essa ou aquela balada. Os deixávamos no local e os buscávamos as 04:00h.


Íamos ao cinema, exposições, parques e sempre havia tempo para o estudo e para o trabalho.


É engraçado que até hoje, quando eles saem e chegam no local ligam ou mandam mensagem dizendo : estamos aqui. Estamos no hotel tal, em tal lugar, na casa de fulano... Ou se estão em um show, gravam músicas que sabem que gostamos e enviam, dizem, escrevem EU TE AMO com a alma aberta!

Tiveram seus momentos rebeldes como todo adolescente, mas jamais o respeito e amor deixou de existir.

Todos possuem opinião sobre tudo e todos. Tem postura.

Confesso que desconfio de pais que dão tudo aos filhos e fazem tudo por eles. O mundo é cruel e só os fortes sobrevivem.Amar é saber dizer não.
Nossos filhos foram criados para que quando vivessem um relacionamento, não fossem um “peso”, mas sim companheiros que crescem junto, agregam valores, conquistam coisas!
O trabalho mantém a mente ativa e a conta bancária menos comprometida.
E posso  dizer que cada um conquistou seu espaço no mundo profissional e emocional.São competentes,capacitados e responsáveis.
Comecei a trabalhar cedo, com 15 anos. Mesmo quando meus 3 filhos eram pequenos não deixei de trabalhar.
Tenho orgulho danado dos meu filhos. Lindos de todas as maneiras. Guerreiros. Eu e Tatoo achamos o máximo quando eles (agora adultos)nos convidam para passear, contam seus planos e objetivos, pedem conselhos, sentam para uma cerveja, ou vinho e o papo rola leve ( até hoje conversamos sobre TUDO),com muita risada, enfim acho que cumprimos nosso papel.

Filhos, AMO vocês! Pra sempre! "

Essa música é PERFEITA!

O maior legado que podemos dar aos filhos é o EXEMPLO!
Beijo da Gu

Comentários